[SHOW] Amanhã no Espaço Cultural Dona Neuza

Amanhã, a partir das 15h, a Vendo 147 toca no “Domingo de Cabeça pra Baixo”, programação do Espaço Cultural Dona Neuza. O evento contará, ainda, com as apresentações das bandas Irmão Carlos e o CatadoA-Bank do Ragga, e terá acesso livre.

[CLIPPING] Veja aqui nota sobre o show no site do Portal A Tarde.

[CLIPPING] “Que moderno: Vendo 147 lança nova música e app pra celular”

Saiu ontem, no blog Amplificador do O Globo, matéria sobre as novidades lançadas pela Vendo 147. Olha só um trecho:

Vendo 147 é aquele excelente conjunto de rock instrumental de Salvador, a capital soteropolitana da Bahia, que conta com dois bateristas e poderia tranquilamente servir de banda de apoio num show do Ozzy.

Veja matéria completa aqui.

Série “As 10 Caras do Rock Baiano” com o baterista Dimmy (Banda Vendo 147)

Vendo 147 -
Por: Paulo Bernardo

 

“Os bateristas dominaram o Portal Soterorockpolitano! A nossa série “As 10 Caras do Rock Baiano” chega a sua sétima entrevista com mais um grande baterista do nosso cenário: Dimmy “O Demolidor” Drummer. Neste papo, Dimmy fala sobre bandas instrumentais, sobre como foi gravar o som do clone drum no estúdio e sobre a sua relação com as bandas que faz parte (Vendo 147, Bestiário e Stereowatts), além de expor a sua opinião sobre o cenário local como músico e também como produtor e tour manager. Então ajeite-se na cadeira, aproveite bem essa entrevista interessantíssima e curta a nossa página no Facebook.”

Clique aqui e confira a entrevista.

[CLIPPING] Bandas independentes revigoram a cena do rock instrumental brasileiro

Eduardo Tristão Girão (EM Cultura) aborda o cenário independente do rock instrumental brasileiro.

Por falar em público, Dimmy “O Demolidor”, um dos dois bateristas da banda baiana Vendo 147, que lançou o álbum ‘Godofredo’ recentemente, alegra-se em constatar que o estilo rompe barreiras: “Temos grupos que conseguem tocar para plateias imensas, que atingiram espaço que não se imaginava. Um fator que contribuiu para isso foi a mudança do comportamento do próprio público, mais aberto a novas experiências sonoras”.

Robert Johnson, Luiz Caldas, Slayer e Led Zeppelin estão na lista de influências da banda, caracterizada também por contar com dois instrumentistas tocando a mesma bateria. Eles compartilham o bumbo, sentados um de frente para o outro. O quinteto lançou um EP e um álbum nos formatos físico e virtual, e faz pelo menos 50 shows por ano em todas as regiões do país. O público é formado por “pessoas de 3 a 80 anos”, conta Dimmy.

Confira aqui e leia a matéria na íntegra.

 

 

[CLIPPING] Vendo 147 no blog do Evidente – Canal Brasil

Confira aqui nota sobre o clipe Vingador e sobre o show do projeto Vendo 147 Convida feita pelo blog Evidente (Canal Brasil).

 

Falando nisso, a lista amiga já está rolando. Mande seu nome completo para: contato@vendo147.com e pague apenas 10 merréis.

Serviço:

O quê? Vendo 147 convida Tentrio
Quando? 05/07 às 22h
Onde? Dubliners Irish Pub – Rio Vermelho
Quanto? R$ 10 (antecipado/lista amiga: contato@vendo147.com) ou R$ 15 (na hora)

[CLIPPING] Portal Terra: “Descoberta do Brasil: Vendo147″

Por natureza, bateristas já são incontroláveis. Imagine dois instrumentistas dividindo “baterias siamêsas” – unidas por seu bumbo em comum. É mais ou menos por aí que você pode começar a conhecer os caras da banda Vendo147: Glauco Neves e Dimmy “O Demolidor” Drummer (bateria), Enio Nogueira e Bruno Balbi (guitarras) e Caio Parish (baixo).*

Entrevista Portal Terra

Confira a entrevista na íntegra aqui!

*Por